À Luz da Luz

15 de dezembro de 2010 — Deixe um comentário

Certo dia eu estava tirando fotos quando isto me ocorreu. Estava numa daquelas lutas acirradas que as mulheres travam com as câmeras digitais para descobrir o ângulo infalível, aquele que lhe beneficia e esconde o tamanho do seu nariz, as marcas das suas espinhas ou o volume da sua papada, ainda que só você esteja vendo eles. Neste ínterim, foi que eu percebi o “fator luz”.

“Uau! Que achado!”, você poderia me esnobar. “Que bom fotógrafo não saberia que a luz é um dos maiores segredos para o sucesso dos cliques?” Pois é, todo mundo sabe disso, né? Calma, todo mundo é muita gente – digamos que a maioria das pessoas sabem! Mas minha descoberta, entretanto, não foi essa.

Percebi que a luz estava escassa, e não dava pra ver muita coisa… Por causa disso, coloquei flash, e aí apareceu coisa demais! Todos os defeitinhos que eu não queria ver estavam lá na foto, me incomodando… Veio a mim então, a Palavra do Senhor, dizendo (rsrs.. parece coisa do Antigo Testamento, né? Bom, modernizando, lembrei daquele versículo que diz):

(1 Pedro 2.9) – Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz;

Sim, antes de encontrarmos o Senhor estávamos nas trevas, e por isso não víamos as nossas falhas, os nossos pecados, a bagunça das nossas vidas… Fiquei lembrando do quanto eu me achava “linda na foto”. Justa até demais… – aos meus olhos! Eu estava em trevas e a falta de luz (a Palavra de Deus) na minha vida fazia com que eu ignorasse tudo o que estava errado – as rugas, as imperfeições, as manchas…

Quem vê sem luz? Ninguém! É fato que tudo que é visível só o é porque a luz reflete sua cor e a torna evidente. Mas, glória a Deus, alguém nos trouxe a Palavra, que nos iluminou e, então, pudemos ver toda a bagunça que estava na “nossa casa”…

Sim, é a luz da Palavra que torna visível a condição humana, pois “a luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela” João 1.5.

A foto, porém, ficou um pouco assustadora.

Hora da limpeza! O Espírito Santo fez a primeira parte: deu aquela geralzona e regenerou o nosso espírito. O “pente fino”, porém – a nossa alma – Ele deixou conosco! Começamos então a dar aquela organizada básica nos nossos conceitos, estilo de vida, caráter… Nada de truques, hein?! Nada de photoshop ou similares! No estúdio do céu não existe maquiagem digital, isso é “farisaísmo moderno” e não combina com a excelência do criador! Sendo expostos à luz – a “maravilhosa luz” da Palavra de Deus – vamos passar pelo desconforto de ter que olhar-nos com franqueza e fazer algo a respeito disso.

O bisturi do Espírito Santo – lembrar-nos as Palavras do Mestre, guiar-nos à verdade e revelar-nos a vontade de Deus – entra em ação, e tudo que precisamos fazer é nos rendermos à sua intervenção precisa e “radical”. Muita, muita luz chegando, e muita coisa mudando… se decidirmos andar nela!

Mas o que mais me alegrou perceber, foi o final da minha experiência. Minha máquina estava com um probleminha no flash, sabe? De vez em quando ele disparava muito mais forte que o normal e a luz ficava excessiva. Nas fotos em que houve excesso de luz, porém, percebi que as falhas – mesmo as mais grotescas – não apareciam… (Como eu fiquei linda!!! Rsrs…) E não é que elas não estivessem lá, mas é que a luz cobriu-as de alguma forma…

É assim com Deus também. Dói um pouco ter que encarar tudo que vemos quando somos expostos à luz da verdade, e passarmos por um longo processo de mudança, olhando-nos no espelho da Palavra, contemplando cada detalhe que precisa de reparo, com franqueza, sinceridade e humildade… No entanto, chega um momento em que estamos tão expostos à luz, que mesmo que algumas falhas ainda estejam lá, o resplendor da glória de Deus manifesta em nós faz com que nem sejam notados… Tornamo-nos “brilhantes” por causa da luz na qual estamos.

Isso me animou muito, me motivou a me “misturar”mais com Deus e andar “à luz da sua luz”… Ainda que seja duro ver-nos “na foto” por um pouco com a luz que temos, basta buscarmos um pouco mais da Palavra, para que a luz brilhe mais intensamente e estejamos resplandecendo da glória que haverá em nós.

Eu quero sair bem na foto de Deus… e você?!?

É só andar à luz da Luz

Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará nas trevas; pelo contrário, terá a luz da vida. (João 8.12)

Luciana Honorata

Anúncios

Nenhum Comentário

Seja o primeiro a iniciar uma conversa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s